[RJHR Nº1] [RJHR Nº2] [RJHR Nº3] [RJHR Nº4] [RJHR Nº5] [RJHR Nº6][RJHR Nº7][RJHR Nº8]
[RJHR Nº9][RJHR Nº10][RJHR Nº11][RJHR Nº12][RJHR Nº13] [RJHR Nº14]
[RJHR Nº15][RJHR Nº16]
[RJHR Nº17]
[RJHR Nº18]


Revista Jesus Histórico e sua Recepção - Ano III [2010] - volume 5


THEISSEN, Gerd. A religião dos primeiros cristãos: uma teoria do cristianismo primitivo. Trad.: Paulo F. Valério. São Paulo: Paulinas, 2009. 450 pp. [Leia]

Alessandro Arzani
http://lattes.cnpq.br/8187479779224919

 

PERROT, Charles. Jesus. Porto Alegre, L&PM, 2010. [Leia]

Pedro Paulo A. Funari
UNICAMP
http://lattes.cnpq.br/4675987454835364

 



Entrevista com John Dominic Crossan: “Teologia e História precisam caminhar juntas”. [Leia]

Vitor Orlando Gagliardo*
JORNALISTA

No mês de Julho deste ano, fiz uma entrevista com a maior autoridade em Jesus Histórico, o renomado historiador John Dominic Crossan. Ele, que já esteve no Brasil, em 2007, para participar do I Seminário Internacional do Jesus Histórico (IFCS/UFRJ), falou sobre cristianismo e alertou sobre a importância de Teologia e História caminharem juntas no discernimento entre o Jesus da História e o Jesus da Fé. “A solução é fazer os dois juntos e reconhecer que, na sua dialética, é possível distingui-los, mas não separá-los. Eles são os dois lados da mesma moeda de Jesus - ou você vê apenas um lado da moeda?”.

* Agradecimento ao Prof. Dr. André Leonardo Chevitarese (UFRJ) pelo auxílio na escrita deste texto.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Uma Discussão sobre o método: Conjecturas a respeito da crítica, da estrutura e da hermenêutica dos textos bíblicos a partir das indagações filosóficas contemporâneas. [Leia]

Alessandra Serra Viegas
PUC-Rio / IFCS-UFRJ
http://lattes.cnpq.br/7074740062362701

Jean Felipe de Assis
HCTE-UFRJ / UNIBENNETT
http://lattes.cnpq.br/9602315559468030

Resumo
A partir de uma discussão metodológica, pretende-se articular os aspectos recentes da pesquisa bíblica com os pressupostos filosóficos da contemporaneidade. Para tanto, deseja-se apresentar de forma sucinta as perspectivas essenciais do método histórico-crítico, a possibilidade de uma aproximação com os modelos linguísticos e o desenvolvimento do pensamento hermenêutico contemporâneo. Deste modo, sem a pretensão de uma sistematização plena, deseja-se ensaiar algumas perspectivas epistemológicas essenciais para a pesquisa, especialmente diante da crise da objetividade da razão a partir do século XX.

Palavras-chaves: método histórico-crítico, semiótica, semântica, pragmática, hermenêutica.

Abstract
Based on a methodological discussion this paper gathers the most recent aspects on the biblical research with their philosophical background. On this way some essential perspectives about the historical-critical method, the perception of the linguistic models and the contemporaneous hermeneutical developmente will concisely be shown. Without a whole systemically overviewed some essential epistemological perspectives are exposed, specifically after the crisis of the objective reason started on the 20th century.

Keywords: historical-critical method, semiotics, semantics, pragmatics, hermeneutics

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Quem eram os Gálatas de Paulo? [Leia]

Bianca Miranda Cardoso
UFRJ
http://lattes.cnpq.br/8277187602763178

RESUMO:
Tendo por título um questionamento, a intenção do presente artigo é investigar a formação e analisar a sociedade residente da Ásia Menor, especificamente aquela localizada no centro da península da Anatólia e nomeada Galácia. O objetivo é perceber como a presença de diversos povos nesta região e as relações entre estes contribuíram para a configuração da sociedade a quem Paulo se dirige no século I da era comum em sua Carta aos Gálatas.

Palavras-chave: Paulo – Gálatas – Celtas – Anatólia – Ásia Menor

ABSTRACT
By Having a question as a title, the intention of this paper is to investigate the formation and analyze the society resident in Asia Minor, specifically the one located at the center of the Anatolian peninsula and named Galatia. The goal is to understand how the presence of several people in the region and the relations between them contributed to the shaping of the society Paul addresses in the first century of the common era in his letter to the Galatians.

Key Words: Paul - Galatians - Celts - Anatolia - Asia Minor

 


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A linguagem Apocalíptica como a re-configuração do mundo por meio do fantástico e pela imaginação – conjecturas metodológicas para o desenvolvimento de uma Poética hermenêutica dos Apocalipses bíblicos. [Leia]

Jean Felipe de Assis
http://lattes.cnpq.br/9602315559468030

Resumo
O presente texto pretende revisar as pesquisas em torno do movimento apocalíptico a fim de enfatizar as transformações ocorridas ao longo do desenvolvimento da pesquisa, procurando perceber as necessidades literárias do material textual. Buscar-se-ão alguns pontos possíveis de interação entre as áreas do saber, a fim de permitir a possibilidade de uma abordagem transdisciplinar, apresentando uma discussão sucinta a respeito dos aspectos literários, estéticos, filosóficos, historiográficos, antropológicos e exegéticos mais recentes. O texto que segue conjectura algumas possibilidades no âmbito da literatura apocalíptica de maneira concisa, visando, sobretudo, enfatizar a necessidade da expressão poética nos Apocalipses, ou seja, a poética é a condição sem a qual o referido gênero não pode se expressar.

Palavras-chave: Apocalipse, Apocalíptica, Apocalipsismo, Poética, Estética.


Abstract
This paper presents a review on apocalyptic movement investigation, focusing on the transformations on the development of the research and explaining the evident literary necessity on the textual document. A discussion with aspects on aesthetics, philosophy, history, anthropology, exegesis and literature imply a multidisciplinary task that won’t be systematically showed. In spite of this epistemological approach, the paper follows some brief conjectures on the apocalyptic literature, specifically the necessity of the poetic expression on the apocalypses, without which the former genre couldn’t express itself.

Keywords: Apocalypse, Apocalyptic, Apocalypsism, Poetics, Aesthetics.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Magia no mundo antigo e práticas mágicas entre os primeiros cristãos. [Leia]

Daniel Brasil Justi
UFRJ / PUC-RJ
http://lattes.cnpq.br/2597339147062189

Resumo
O propósito central do artigo é a problematização do tema da magia em contexto de cristianismo originário e a relação que tiveram os autores bíblicos e os modernos no tratamento desse assunto. Após um breve histórico da pesquisa em torno da magia em relação com o cristianismo e a enunciação do conceito chave de “paradigma indiciário” o texto observará trechos selecionados de Atos dos Apóstolos.
A intenção é ilustrar e apontar elementos interpretativos sobre o ambiente mágico antigo nas comunidades cristãs originárias em torno da figura dos primeiros missionários cristãos, principalmente Paulo e, por fim, extrair dados para uma percepção de como o elemento mágico está amplamente difundido nas etapas formativas do cristianismo.

Palavras-chave: Magia, cristianismo originário, paradigma indiciário, Atos dos Apóstolos, Paulo.

Abstract
The goal of the article is the implication of the theme of magic in the context of early Christianity and the relationship that original biblical authors and modern treatment of this subject had. After a brief history of research around the magic with regard to Christianity and the enunciation of the key concept of "evidential paradigm" the article will observe the text excerpts of Acts of the Apostles.
The intention is to illustrate and point out interpretative elements of the magic in the ancient Christian communities around the figure of the early Christian missionaries, especially Paul, and finally, extracting data so as to have a perception of how the magical element is widespread in the formative stages of Christianity.

Keywords: Magic, early Christianity, evidential paradigm, Acts of the Apostles, Paul.


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mitos de resistência e conflitos de realidades na antiguidade: uma reflexão comparativa entre o cristianismo gnóstico e o cristianismo em processo de oficialização. [Leia]

Luciano José de Lima
http://lattes.cnpq.br/0085376206397192

Resumo
Neste ensaio apontamos que os mitos possuem aspecto de legitimação ou questionamento de realidades sociais, e observamos de fundação do mundo e das origens cristãs conforme apropriado pelo chamado cristianismo ortodoxo e por grupos ligados ao gnosticismo cristão cujos textos se encontram na biblioteca Nag Hammadi. Acreditamos que o lugar de seus redatores ou guardadores reflete realidades em conflitos e que os mitos presentes nas narrativas são reafirmações significativas de modelos de realidade.

Palavras-chave: Antiguidade - Cristianismo - Mito – Gnosticismo

Abstract
In this essay we point out that myths have aspect of legitimation or questioning of social realities, and we see the foundation of the world and of Christian origins as appropriate by the so-called orthodox Christianity and Gnosticism by groups linked to the Christian texts found at Nag Hammadi library. We believe that the place of its editors or keepers reflects realities in conflict and that myths present in significant restatements narratives are models of reality.

Key words:
Antiquity – Christianity – Myth – Gnosticism

 

UFRJ IH PPGHC ARCHAI Kliné Editora LHER Latindex REDIB